Estrada, Internacional

Vuelta 2022: Remco Evenepoel resiste à Sierra Nevada!

Vuelta 2022: Remco Evenepoel resiste à Sierra Nevada!

A etapa-rainha da Vuelta a España foi vencida por Thymen Arensman (DSM), o único sobrevivente de uma fuga grande em número e qualidade, que incluía também Jay Vine (Alpecin-Deceuninck), líder da montanha, e Mads Pedersen (Trek-Segafredo), líder dos pontos, além de vários homens do top 20 da geral.

A entrada na longa subida para a Sierra Nevada era antecedida por uma descida rápida, que a Jumbo-Visma utilizou para acelerar o ritmo. Remco Evenepoel resistiu à aceleração, com Enric Mas, Miguel Ángel Lopez e Ben O’Connor, além de Roglic. Carlos Rodríguez, Juan Ayuso e João Almeida foram surpreendidos, mas conseguiram manter-se em contacto.

A Quick Step Alpha Vinyl esteve perfeita no plano tático, fazendo descair Louis Vervaeke no timing certo para ajudar o camisola vermelha. Mas a 11 quilómetros do final, Miguel Ángel López atacou e cedo foi seguido por Enric Mas, enquanto Roglic e Evenepoel iniciaram a perseguição a ritmo. Nesse momento, Marc Soler (UAE Team Emirates), que havia deixado os seus companheiros de fuga para trás na primeira parte da subida, foi alcançado e ultrapassado por Arensman.

Quando tudo parecia definido, à entrada para o último quilómetro, Roglic colocou uma mudança acima e deixou Evenepoel para trás, porém não conseguiu quebrar o motor do belga. Enric Mas ganhou o sprint a López para o 2º lugar, ganhando 21 segundos a Roglic, 32 a Ayuso e 36 a Evenepoel. João Almeida chegou logo atrás e Carlos Rodríguez cedeu muito tempo, sendo ultrapassado por Ayuso no 4º lugar da classificação geral. Roglic está agora a 1:34 de Evenepoel, com Mas a 2:01.

Written by - - 640 Views

No Comment

Please Post Your Comments & Reviews

O seu endereço de email não será publicado.