Ciclocrosse, Entrevistas, Nacional

PCM Entrevista: Mário Costa e o estado atual do ciclocrosse em Portugal

PCM Entrevista: Mário Costa e o estado atual do ciclocrosse em Portugal

Uma breve opinião de Mário Costa sobre a situação atual do ciclocrosse em Portugal

O estado atual do ciclocrosse em Portugal é um pouco complicado, por um lado vemos os atletas que vão experimentar todos motivados, mas por outro lado temos aquela parte de que isto é muito bom, mas que é uma modalidade que não está muito garantida para o futuro, na minha maneira de ver, porque aquilo que se está a dar de retorno às equipas e aos atletas é ridículo e não se pode continuar assim.

Mário Costa

Para Mário Costa a viabilidade da modalidade não está totalmente assegurada para o futuro próximo, sendo que um dos maiores entraves que aponta para a não subsistência da modalidade é a da falta de provas, sendo que neste ano o número baixou de 10 para 8 provas.

Nós a continuarmos assim daqui por 2 anos não temos ciclocrosse, do ano passado para este ano tivemos uma redução de provas brutal: passamos de 10 provas para apenas 8 provas. Se já eram poucas provas, este ano são muito poucas, acho que isto tem mesmo de ser pensado por quem de direito de forma muito séria e não deixarem cair as coisas neste formato decadente.

Mário Costa
Santo Tirso é uma das provas que continua no calendário nacional nesta temporada, tendo sido a 3ª prova da Taça de Portugal e apresentando uma grelha de 35 ciclistas Elite.
Foto: UVP – Federação Portuguesa de Ciclismo
Written by - - 662 Views

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9

No Comment

Please Post Your Comments & Reviews

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *